quarta-feira, 1 de abril de 2020

Flávio Dino cobra Banco Central para evitar aglomerações em agências bancárias

Ofício enviado pelo governador Flávio Dino ao Banco Central
Em ofício enviado ao presidente do Banco Central do Brasil (BC), Roberto Campos Neto, o governador Flávio Dino pede providências da instituição para evitar aglomerações em agências bancárias em todo o estado. 
No texto, enviado no dia 31 de março, o governador sugere que sejam adotadas “medidas preventivas para evitar superlotação nas agências, sem que haja prejuízo no atendimento ao público”, em razão da preocupação em resguardar a saúde da coletividade. 
No documento, Flávio Dino reitera que o Maranhão aguarda a atuação do Banco Central e informa que o Governo está à disposição para “colaborar e atuar supletivamente para a assegurar o atendimento com segurança ao público e aos profissionais que atuam nas instituições bancárias”. 
Ofício enviado pelo Banco Central no último dia 18.
No último dia 18 de março, o Banco Central informou ao Governo do Maranhão, também via ofício, que cabia à autarquia federal decidir sobre o não atendimento ao público por parte das instituições financeiras. Em complemento, o BC disse estar atento ao cenário e que tomaria as medidas necessárias em consonância às adotadas pelas autoridades federais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário