quinta-feira, 18 de abril de 2019

Cascaria no ano de 2032...





O ano é 2032, o Governador Júnior Cascaria sanciona a lei que cria o município de Pedrópolis Grande, fusão das cidades de Esperantinópolis, Poção de Pedras e Igarapé Grande. Poção de Pedras cresceu tanto, que como uma metrópole, se uniu aos seus municípios circunvizinhos.

O prefeito Tiago Cascaria inaugura a 10ª Escola de tempo integral e o 8º centro poliesportivo climatizado. A oposição fragilizada tem como única voz o vereador Jeová. O Governador Júnior Cascaria soube abraçar os aliados e ex desafetos: Pinto Catingueiro ganhou a licitação para fornecer merenda escolar para todas escolas estaduais, ao mesmo tempo que a LogNet fornece internet para todas as repartições públicas do Maranhão. Jhulio e Valney são gestores da secretaria de Habitação.

Professor Roberto é o Gestor de Educação da Regional de Pedreiras e Dr. Arnaldo é o Secretário Estadual de Saúde. Outros opositores encontram-se: preso por corrupção, outro por estelionato e há até quem conseguiu fugir para uma embaixada na Venezuela e pediu asilo.

 Barro Vermelho se tornou um polo de exportação de carne após a implantação do frigorífico da Friboi.

 Após a implantação da Batavo no Lucindo, o interior com mais médicos por metros quadrados do Brasil, também virá referência em laticínios. Fortaleza Beira-Rio, passa Barreirinhas em número de visitantes e se consolida como o principal destino turístico do Maranhão.

Belém dos Lages, se torna o maior exportador de peixes de água doce do Nordeste, graças a incentivos fiscais do Governador.

 E é por essa revolução no Maranhão que o Governador Cascaria está cotado para ser o novo Presidente do Brasil com o seguinte slogan: “Se fez pelo Maranhão, sem esquecer do Poção, fará muito mais pela nossa nação”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário