sexta-feira, 8 de março de 2019

O Propósito de ser mulher.


E disse o SENHOR Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma adjutora que esteja como diante dele. Gn 2:18 

Os propósitos do coração do homem são águas profundas, mas quem tem discernimento os traz à tona. Provérbios 20:5 

A mulher foi criada por Deus com o propósito de completar a obra da criação, foi o ápice desta, cheia de beleza, doçura, delicadeza e uma força surpreendente; foi criada para ser mãe e esposa, carinhosa e sensível. Foi o coroamento da natureza, pois depois de todas as coisas criadas, Deus disse: “não é bom que o homem viva só”, demonstrando que tudo na mulher foi criado para encantar e suprir as necessidades de um homem, pois ela foi feita para ele.

 Fica claro que fomos criadas com um propósito e nosso objetivo deve ser cumpri-lo.

 ... far-lhe-ei uma adjutora, esse foi o propósito maior para a criação da mulher, alguém que estivesse ao lado do homem com essa função. Mas o que vem a ser mesmo “adjutora”? É aquela pessoa que é companheira, que ajuda, socorre, favorece, facilita, propicia, auxiliar a fazer algo. 

A mulher é perfeitamente moldada para isso. Nela consiste o entendimento e a sabedoria exata que a torna apta para assim o realizar. 

A mulher como adjutora que esteja como diante dele, ou seja nem inferior e nem superior, humanamente semelhantes, porém com capacidades e propósitos bem diferentes. 

Um ser extraordinário, não simplesmente pelo que ela possa fazer, mas pelo que ela já é, por sua paciência, amor, doçura e por tudo que faz silenciosamente para cumprir esse propósito de ajudadora. 

O sábio Salomão, inspirado por Deus ressalta o valor tão especial da mulher, criada para ser bênção para humanidade: 

“Mulher virtuosa, quem pode encontrá-la? Superior ao das pérolas é o seu valor” (Pr 31,10). 

“Quem encontra uma esposa encontra algo excelente; recebeu uma bênção do Senhor.” Provérbios 18:22 

A mulher que sabe o seu propósito, se esforça para o cumprir, pois é uma mulher que busca a sabedoria, o conhecimento e a graça de Deus, ela é forte, sabe calar e sabe ouvir, sabe sofrer e sabe festejar, sabe curar e ser curada das mazelas que a vida lhe trás, leva os seus fardos e muitas vezes os daqueles que estão próximos a ela, fala suavemente e oportunamente trazendo um bálsamo sobre aqueles que a ouvem, está sempre alegre independente de suas dores e sua força é um mistério que a muitos confundem.

 Ah mulher, se todos soubessem verdadeiramente teu valor, não seria necessário um dia para homenageá-la, pois todos os dias seriam festivos e comemorados com o respeito que tanto esperam. 

Por ser mais fraca fisicamente, ela sempre foi, e ainda é, muitas vezes maltratada pelo homem, seja fisicamente ou verbalmente. Tantas mulheres que já não sabem seu valor, vivem com medo de errar, medo de viver, medo de não serem aceitas, por causa de palavras que feriram a alma e destruíram seus projetos e sonhos. A mulher tem de ser o agente de sua própria libertação, não aceitando ser menos do que àquilo que Deus lhe projetou para ser. 

Você mulher, nasceu com um propósito único, algo que só você será capaz de executar, você é bela independente dos padrões que a sociedade exija, você é forte apesar da fragilidade física, a sua força não está nos músculos, ela vem de um coração fortalecido em Deus. Você não ter precisa ter medo de ser aceita por ninguém, porque você já foi aceita por Deus para um grande propósito. 

Quantas mulheres dignas de serem lembradas neste dia por sua luta, persistência, coragem, ousadia, amor ao próximo, resiliência e acima de tudo sua fé em Deus. 

Lembro-me de muitas mulheres que cumpriram seu propósito e que fazem jus a homenagem deste dia:

 Irmã Raimundinha, avó do vereador Valney, com sua fala mansa, seu testemunho de fé soube direcionar seus filhos e netos para o caminho do bem. 


Dona Auricélia, mulher forte, que intimidava muitos homens pelo seu posicionamento, uma mulher cheia de virtudes que deixou um grande legado. 

Irmã Neide Croá, tão ousada, tão cativante e tão bela, uma mulher que mesmo diante de tantas lutas, ainda nos brindava com belas gargalhadas. 


Seriam tantas para serem lembradas e homenageadas nesse dia, por terem cumprido seu propósito. 

Que possamos deixar marcas de mulheres que souberam fazer a diferença, nos posicionando contra a violência, o desamor, o desafeto, o desrespeito e deixando marcas de nossa fé e amor ao próximo, levando paz e harmonia onde passarmos. 

Mulher, você tem cumprido seu propósito??? 

Que possamos ter em mente a plena convicção que àquele que começou a boa obra em nós é fiel para completá-la. 

Quais mulheres te inspiram para ser pessoas melhores? Deixem seus comentários

Créditos: Ana Célia Campelo

2 comentários:

Unknown disse...

Obrigado Ana Célia por essa homenagem a essas três guerreiras, e pelo seu DIA ESPECIAL...

Vera disse...

Linda homenagem que saudade da minha amada vó Raimundinha.

Postar um comentário