quinta-feira, 7 de março de 2019

O CARNAVAL DO BOI NO PASTO DO PREFEITO JOAB SANTOS EM RIACHÃO


Sobre a não existência do Carnaval em Riachão com uma insistência alegação que melhor que fazer carnaval é cuidar da saúde, educação, etc.. se fosse realmente isso a população da cidade com certeza entenderia, mas o Prefeito de Riachão Joab Santos além de não realizar o carnaval, passou segundo algumas fontes, os 4 dias da folia fazendo festinhas particular e churrasco para a família e alguns poucos amigos comemorando a aquisição dos 5 bois reprodutores "PO" comprados na fazenda do Senhor Pedro Moreira, cada um custando 12 mil reais, e pra fechar a conta o prefeito folião comprou também na mesma região cerca de 300 novilhas para inaugurar o pasto novinho que a pouco ele fez em uma das suas fazendas.


  Segundo alguns moradores da cidade, na Fazenda ele usou toda a infraestrutura da Prefeitura por mais de 5 dias com 5 caçambas, duas carregadeiras, uma patrol todas da prefeitura usando óleo pago pelo povo para fazer a estrada que leva a sua fazenda, aí eu lhe pergunto, essas são as prioridades? Foi por isso que não foi realizado o carnaval em Riachão prefeito Joab Santos? Infelizmente essa é a real realidade no Município de Riachão, que falta uma carrada de piçarra para o pobre e para concertar um buraco nos bairros, mas que tem toda estrutura do município dias e dias a disposição do prefeito fazendo estradas e açudes na sua fazenda, nos bairros não tem água, na cidade todo dia tem faltado e fica dias sem atendimento, mas para o prefeito isso nada importa pois ele cavou na sua fazenda um poço artesiano com mais de 250 metros de profundidade, continuo lhe perguntando, uma cidade que sempre teve belíssimos carnavais mais de 50 anos de tradição jogados no lixo tudo pela má gestão.

  Riachão hoje vivi o avesso do progresso, os povoados as moscas que o diga o posto fiscal com o posto de saúde fechado e que nunca funcionou como vimos um morador no video abaixo relatar, a cidade abandonada, um prefeito que não fala com ninguém, blindado e isolado e que deixa Riachão se rastejar usando migalhas de real dados por um e por outro filho de Deus que com pena da situação se uniram e pagaram as duas últimas noites de carnaval na cidade. 

Termino dizendo vá na porta da casa do Prefeito Joab Santos e veja a ostentação, três caminhonetes zeradas, duas Hilux, uma branca e uma cinza, e uma SW4 branca, e aí tá pouco? Pois é, a população quando precisa mesmo tendo ambulância mas para atender a ordem do prefeito de não gastar óleo diesel, eles protelam e relutam em encaminhar viagens com pacientes para fora da cidade para economizar e acontece tragédias como a do anjinho Gabriel que morreu por não ter sido socorrido junto com sua mãe.


Infelizmente essa é a realidade dos fatos em Riachão que pior do que não ter carnaval é não ter uma gestão que corresponda as necessidades do povo.

 Que o Ministério Público faça um levantamento e investigue profundamente esse triste momento que Riachão vem vivendo. 



Fonte: Blog do Carlos Barroso


Nenhum comentário:

Postar um comentário