segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Poesia:E se Airton Senna não tivesse morrido?


E se Airton Senna não morresse
Daquele carro se levantasse
 Os pneus de proteção lhe amortecesse
 E com a imprensa toda falasse


 - O impacto foi muito forte
 - Mas sigo firma em busca do Tetra - Passei perto da morte
-Não morri graças a Deus e a sorte
- Esse é o risco que corre um piloto ou atleta

E se Roland Ratzenberger não morresse Aquele piloto Autraliano
E se Rubens Barrichello não batesse
Por questão de centímetros padecesse
Tudo isso num final de semana na Itália
GP de San Marino, 1994 foi o ano

Eis aí o formidável...
Airton, Airton, Airton Senna do Brasil...
Narrava Galvão Bueno com entusiasmo
Airton Senna: O irreparável, o inoxidável
Pro dono da f1 Eclestonne nada de admirável

Para o Brasil Airton era espetacular
Para os pilotos não tinha medo de se arriscar...
Não tinha medo do azar...
Ou em uma curva sobrar

É o que dizia Alan Prost, seu principal Rival
Pra imprensa Prost era sensacional
Pro Senna, um piloto fenomenal
Pro Brasil, um francês cara de pau 

Mas se Airton daquele carro se levantasse?
Naquele ano seria Campeão
É tetra! É tetra!
Narraria Galvão Airton Senna e a Seleção!

 Em 95 Schumacher ganhou tudo com a Benetton
Mas em 96 a Williams fez um carro muito bom
Demon Hil levou o título esse ano
Mas ele ficaria em segundo plano Pois Airton mostraria o seu dom

Em 97 Airton Campeão novamente
Esses anos foram o triunfo da equipe Williams valente
Airton deixaria todos contente
Galvão narraria é Hexa novamente
Seria a felicidade daquela gente

Eis aí o formidável... Hexa Campeão!
Airton Senna guiava com o coração
O melhor dos melhores do mundo
Um ídolo, um piloto sem comparação!

Se Airton não tivesse morrido
Ao se aposentar seria chefe de equipe
Foi o que afirmou Franck Williams
Rubens e Massa seriam campeão
Não veríamos o... Hoje sim, hoje sim, hoje não
Em 2002 Rubens deixando Shumi passar
Pra vergonha da nação
Depois disso muitos acabou a admiração

Desde 2017 estamos órfão
Sem Brasileiro na fórmula 1
Assistimos sem opção
Não restou nenhum
Estamos sem Rubens ou Massa
E principalmente estamos sem Sennas

Airton Senna do Brasil
Só nos resta te agradecer
Com suas vitórias o Brasileiro sorriu
Seu legado fez o povo florescer

Airton Senna do Brasil!
Infelizmente da curva Tamburello você não passou
Naquele protótipo você morreu
Aquele muro de arrimo te matou
Mas a tua história sobreviveu Suas vitórias e glórias ficou Sim, valeu a pena valeu...
A história do maior vencedor! (Poeta Moura)

Visite a página de Filho Moura no link abaixo:
https://www.facebook.com/ExiteVidaEmSimplesPoemas/

Nenhum comentário:

Postar um comentário